WILSON LIMA, GOVERNADOR DO AMAZONAS PARECE ESTAR MAL ASSESSORADO DIZ O ELO SOCIAL

Atualizado: 21 de Out de 2019


Notificado pela CESB – Confederação do Elo Social Brasil, em seu primeiro dia de mandato através do oficio nº 087/19 – GP-CESB o governador do Estado do Amazonas determinou a sua assessoria jurídica que tomasse as providencias sobre o oficio referendado.

Ocorre que de forma lacônica e evasiva referida assessoria induziu o governador a assinar o oficio nº 0120/2019/GSEAS, datado de 29 de janeiro de 2019, (link do oficio):

https://static.wixstatic.com/ugd/d59fcd_6be4e3d3dbb44eb1ba61e8f5758b30bc.pdf através do qual por incrível que possa parecer “o governador deu uma certidão dizendo que não ia dar certidão”.

Será que não deu para perceber que ao certificara ter recebido o Oficio do Elo Social, sobre o projeto “Lixo Zero Social 10”, estava tomando ciência de sua existência e também de sua implantação que em momento nenhum ira precisar da aprovação do governo, mesmo porque a implantação se dá única e exclusivamente através da iniciativa privada.

A única participação estatal no trabalho do Elo Social, se dá através das responsabilidades do Ministério Publico Estadual e não através do Governador do Estado.

A atitude pelo governador tomada, vai totalmente na contramão das 7 (sete) medidas que prometeu tomar quando assumiu o governo e para lembra-lo vamos postar novamente as promessas em nosso portal.

Confira 7 promessas de campanha:


1- BR-319: Sobre a questão da infraestrutura, e em especial, a rodovia federal BR-319, que interliga Amazonas e Rondônia, Wilson Lima prometeu o apoio do governo do Amazonas para que o tráfego da rodovia seja resolvido, prejudicado pelas péssimas condições de asfaltamento. Para isso, o novo governador prometeu fazer alianças com outros governos estaduais e bancadas na Câmara dos Deputado e no Senado Federal.

"A BR-319 é uma estrada-parque, e como tal, tem limite de peso. Se regras como essa forem cumpridas, nós conseguiremos fazer com que essa história saia do papel e a rodovia seja pavimentada. Não estamos falando de abrir uma estrada, e sim de recuperar e dar manutenção. Eu vejo a BR não apenas como um vetor de desenvolvimento econômico, mas também como um fator social, para beneficiar quem vive ao longo dela".


2 - CIDADE UNIVERSITÁRIA: Wilson Lima prometeu consultar a comunidade acadêmica sobre a retomada de obras na Cidade Universitária, localizada na rodovia estadual AM-070. "Foi um investimento alto, com a desapropriação de populações tradicionais. Hoje a obra está lá, abandonada e saqueada", afirmou. O jornalista prometeu discutir com a comunidade acadêmica da UEA o que, de fato, é prioridade para a instituição.

"Vamos sentar e discutir o que podemos fazer com aquela área. Se vamos construir laboratórios, se vamos implantar cursos naquela área, ou se vamos realocar recursos para outras obras da Universidade que estão paralisadas. Mas, no momento, a prioridade é o diálogo com a comunidade da instituição".

3- TECNOLOGIA: O candidato prometeu empregar tecnologia pesada em dois setores, caso fosse eleito: saúde e segurança pública. Na área da saúde, o jornalista prometeu a informatização e a modernização de todo o sistema de saúde do Amazonas, uma vez que, segundo ele, não existe hoje um controle informatizado da saúde no Estado.

"Não existe controle de equipamentos quebrados, de falta de materiais, e do que sai das unidades hospitalares, justamente porque não há Intranet. Com isso, as secretarias não se comunicam. Enquanto a modernização não acontece, o cidadão continua penando e gente continua morrendo esperando atendimento".

Já na área de segurança pública, Wilson destacou que pretende inovar ao implantar o monitoramento inteligente para leituras de placas de veículos, cobrindo toda a cidade de Manaus, tanto na saída da cidade como nos principais pontos da capital. "Todas as vezes que um carro é roubado, ele vai ter que passar por um desses pontos. O sistema emitirá um alerta, e a Polícia vai e faz a abordagem".

4 – SAÚDE: Wilson propôs o uso da telemedicina como solução para grande parte dos problemas do setor no interior do Amazonas, como os exames de alta complexidade. O candidato também afirmou que implantará duas unidades de saúde de alta complexidade em Tefé e Parintins, além de ampliar a participação do Governo na saúde em outros municípios.

"Com a telemedicina, as pessoas poderão fazer um exame de mamografia em Eirunepé, por exemplo, e um especialista analisar em tempo real aqui no Hospital Francisca Mendes, em Manaus, e já dar o diagnóstico, sem a necessidade de o paciente se deslocar para a capital. Em São Gabriel da Cachoeira, nós vamos ampliar a participação do estado no hospital que é administrado pelo Exército".

5- INTERIOR: Sobre injetar estímulos econômicos nos interiores do Estado, ele falou que precisa realizar pesquisas especializadas para entender as particularidades de cada município.

"Precisamos entender a potencialidade de cada cidade e fazer investimentos acertados. Assim que o caboclo vai ser valorizado, tendo um cenário econômico favorável aos recursos naturais de onde nasceu", explicou. Destinar recursos tanto à agricultura familiar quanto ao agronegócio está entre as propostas de governo de Wilson. "Além disso, precisamos estender a energia elétrica e a internet para as comunidades, com o auxílio de programas sociais federais".

6- SEGURANÇA: Sobre segurança pública, o candidato afirmou que vai aumentar e capacitar os recursos humanos das duas polícias, tanto para a capital quanto para os interiores. "Programas inteligentes de monitoramento constante de placas de veículos, a proximidade do cidadão com o comandante militar da área onde o cidadão mora são algumas das coisas que quero implantar",

7 - ESPORTE, CULTURA E INCLUSÃO SOCIAL: O maior enfrentamento ao crime é o esporte, a cultura e a educação, segundo Wilson. O candidato afirmou ainda que vai facilitar a inclusão de pessoas desfavorecidas no mercado de trabalho. "Vamos ampliar a rede de cursos técnicos e mesclar com experiências sólidas".

91 visualizações

Diretoria de Implantação de Projeto:

Rua Cecília Bonilha nº 145, São Paulo - Capital - (Sede Própria) Telefone: +55 (11) 3991-9919 Todos os Direitos Reservados​ © 2018

"Movimento Passando o Brasil a Limpo"